Cotidiano

Varejo de material de construção tem crescimento de 6% no mês de Fevereiro

As vendas de material de construção cresceram 6% no mês de Fevereiro, comparado com o mesmo mês do ano anterior segundo o tracking mensal da Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção-Anamaco.  A pesquisa ainda avaliou a expectativa dos lojistas para março: dois terços dos entrevistados (cerca de 65%) está otimista com o comércio neste mês, bem como com as novas estratégias e diretrizes do novo governo. Para o presidente da Acomac Ceará, Carlito Lira, a pesquisa só ratificou a perspectiva positiva para o segmento. “Esta Pesquisa, realizada pela Anamaco,  confirma a nossa expectativa positiva para este ano. Torno a dizer que será um grande ano para as revendas de materiais de construção aqui  no nosso Estado”, afirma o presidente. Em 2018 o comércio de materiais de construção obteve faturamento recorde de R$ 122 milhões. Nosso setor já tem um índice positivo: nos últimos 12 meses o acumulado representa 6%. E, quando olhamos este bimestre, vemos que foi 3% melhor que o mesmo período do ano passado.
Emprego em alta
Há mais de 12 milhões de brasileiros e brasileiras sem emprego e para 20% dos varejistas, as contratações serão inevitáveis no próximo mês. O comércio da construção gera milhares de empregos diretos e indiretos. Para 2019, a Anamaco prevê crescimento de 8,5% sobre 2018.
 A Pesquisa Tracking mensal da Anamaco foi realizada entre 22 e 27 de fevereiro pelo Instituto de Pesquisas da Anamaco e conta com o apoio da Anfacer, Abrafati e Instituto Crisotila Brasil.