Cotidiano

Porto Seguro firma acordo com a Travelers Seguros e reforça sua atuação em seguros Patrimoniais e de Responsabilidade Civil

A Porto Seguro anuncia que fechou um acordo de cooperação com a Travelers Seguros para recontratação de seguros. A negociação engloba as apólices dos produtos: Empresarial, Riscos Diversos, Responsabilidade Civil Geral, Responsabilidade Civil Profissional e Gestão Protegida (D&O).

Para a Porto Seguro, a parceria tem valor estratégico, pois amplia a sua presença nos segmentos de seguros Patrimoniais e Responsabilidade Civil, considerados de grande potencial. “Nos últimos anos, a companhia tem investido na ampliação da sua presença no setor com o incremento do seu portfólio de seguros Patrimoniais e de Responsabilidade Civil. O acordo com a Travelers Seguros reforça o nosso comprometimento em atender este mercado”, comenta Marcelo Picanço, diretor-geral de Seguros e Investimentos da Porto Seguro.

Pelos termos do contrato firmado entre as empresas, os atuais segurados da Travelers permanecerão atendidos pela empresa até o vencimento das apólices. A partir daí, terão a opção de renovar com a Porto Seguro, após a análise de aceitação. Em 2018, a Travelers emitiu aproximadamente R$ 60 milhões em prêmios nos ramos que fazem parte deste acordo.

O acordo está sujeito à aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE).

Sobre a Porto Seguro

A Porto Seguro é uma empresa brasileira com mais de 70 anos de mercado e está entre as maiores seguradoras do País, ocupando a primeira posição nos ramos de Seguro Auto e Residência. Atualmente, são quase 20 milhões de clientes, 13 mil funcionários, 16 mil prestadores e 35 mil corretores parceiros. A companhia tem ainda 103 sucursais e escritórios regionais em todo o Brasil. O Grupo Porto Seguro é formado por 27 empresas – entre elas Azul Seguros e Itaú Seguros de Auto e Residência – que atuam nos mais diversos ramos como seguros, produtos financeiros, serviços de emergência e conveniência, proteção e monitoramento, plano de saúde para Pets, entre outros. Em 2018, o lucro líquido da companhia foi de R$ 1,3 bilhão.