Colunas

Pedagogia: curso, carreira e mercado de trabalho

Atualmente, a Pedagogia é considerada um campo de conhecimento que estuda o ato educativo no âmbito escolar e fora dele. Daí a necessidade de pensarmos num profissional que possa atuar no campo docente e em outras áreas da Educação. Seu campo de atuação compreende os elementos da ação educativa e sua contextualização.

O pedagogo é o profissional que pode atuar em várias instâncias da educação, ligadas direta ou indiretamente aos processos de transmissão e assimilação de saberes e práticas pedagógicas. Dentre essas áreas, podemos citar: gestão escolar, docência, empresas, hospitais dentre outras.

Hoje, o Curso de Pedagogia é um dos mais procurados para quem se destina a lecionar. Isso deve, dentre outros fatores, ao amplo campo de atuação desse profissional, assim como pela grande quantidade de vagas de emprego. É na área da docência ligada à Educação Infantil e ao Ensino Fundamental I que se concentra o maior número desses profissionais. O professor deve possuir um repertório de métodos e práticas que viabilizam o fazer docente de maneira original e efetiva, oriundos de um processo de racionalização dos conhecimentos colocados em prática, ou seja, a capacidade plena de exercer o magistério.

O professor deve ser um profissional preparado na sua área de formação integrada ao campo pedagógico, que pense na sua formação e busque novos conhecimentos de modo a intervir no processo de ensino, possibilitando as melhores maneiras para ocorrer aprendizagem, bem como permear nessas atitudes as dimensões epistemológicas críticas, política e humana.

O curso citado deverá propiciar possibilidades de qualificação profissional e o acesso à cidadania como direito da pessoa social por proporcionar flexibilidade pedagógica, aprendizagem individualizada e educação de qualidade sem entraves geográficos e/ou temporais. Ele deve construir valores éticos como base para o caminho da cidadania, possibilitando ao futuro docente a reflexão, seleção e priorização de situações problema reais, sob orientação segura e cuidadosa para aprofundamento teórico da prática educativa, numa tentativa de melhoria qualificativa dessa prática. É através da vivência real e objetiva da futura profissão que os discentes terão a possibilidade de estabelecer uma relação entre teoria e prática.

Atualmente, o município de Fortaleza é a 4ª capital do Brasil com maior número de alunos matriculados em escolas municipais, com 214 mil matriculados entre Educação Infantil (creche e pré-escola) e Ensino Fundamental, apresentando um crescimento de 16,36% na matrícula em creches. O município registrou um aumento de quase 5 mil matrículas na Educação Infantil no último ano. Saiu de 42.083 para 47.052, de 2017 para 2018, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Esses dados apontam para um crescimento da demanda de professores qualificados para assumir esses dois níveis de ensino. Daí a necessidade de formar cada vez mais pedagogos. O mercado de trabalho para esse profissional só faz crescer, sendo, portanto, um cargo promissor.

 

Conheça o Curso de Pedagogia da UniAteneu. Acesse http://uniateneu.edu.br/.

 

Profª. Ms. Emanuelle Oliveira

Coordenadora do Curso de Pedagogia da UniAteneu na unidade acadêmica Messejana

Mestre em Educação

 

Profª. Drª. Bruna Germana Nunes

Coordenadora do Curso de Pedagogia da UniAteneu na unidade acadêmica Antônio Bezerra

Doutora e mestre em Educação Brasileira